terça-feira, 26 de outubro de 2010

Baleia jubarte percorre dez mil quilómetros para acasalar

A baleia jubarte é conhecida fazer longos deslocamentos
para acasalar e agora uma delas estabeleceu um recorde
mundial ao nadar quase dez mil quilómetros, desde o
arquipélago de Abrolhos, na costa brasileira, à ilha de
Madagáscar, na costa leste da África.Esta foi a mais longa
migração deste mamífero – registada e fotografada na
costa brasileira e encontrada dois anos depois no Leste de
África. O recorde vem agora publicado no «Biology Letters».
Nesta espécie migratória são, geralmente os machos que
percorrem grandes distâncias para se reproduzirem, já que
as fêmeas são menos aventureiras.
CiênciaHoje
***
São sempre os machos a esfalfarem-se. Quando chegam ao objectivo, já estão cansados. Depois, admiramo-nos que elas digam que têm dor de cabeça.
Mas, na espécie humana, as coisas já não são bem assim. Vejam a Rosa Mota, como ela correu a maratona. Apenas ficaram a doer-lhe as pernas.

Sem comentários: