quarta-feira, 18 de fevereiro de 2015

Revolta no PS obriga Valls a aprovar reforma económica sem votos


Governo enfrenta hoje moção de censura, por ter decidido aprovar sem votação parlamentar a ‘lei Macron’ com a qual pretende relançar a economia.
A França mergulhou ontem num turbilhão político, quando o primeiro-ministro Manuel Valls anunciou que recorria ao artigo 49-3 da Constituição para forçar a aprovação das reformas económicas do executivo.

***«»***
Mais um partido socialista a trair os trabalhadores, tentando fazer aprovar uma lei austeritária, e ultrapassando a sua obrigatória submissão à Assembleia Nacional francesa.
No âmbito da Internacional Socialista, todos os partidos socialistas e sociais-democratas, nela inscritos, estão perfeitamente integrados no sistema político, que domina a Europa, e, quando alcançam o poder, não se diferenciam dos partidos da direita.