sábado, 6 de novembro de 2010

Que país a este, que aprendi a amar?!

Clicar na imagem para a ampliar
ESCOLAS ABREM AO FIM DE SEMANA
PARA MATAR A FOME AOS ALUNOS
Na Damaia (Amadora),
onde mais metade
dos alunos são
carenciados, as escolas
estão a fazer
um levantamento
dos casos
de crianças
com fome
EXPRESSO
***
Dói muito ler esta notícia do Expresso. Um país que não sabe tratar das suas crianças nem dos seus idosos não merece existir. É um país falhado. E este tema não vem abordado no Orçamento de Estado, que só admite, implicitamente, o conceito de país falhado, se a normalização do défice orçamental e da dívida pública não for conseguida. Mas, a verdade, é que Portugal trata muito mal as suas crianças e os seus idosos, principalmente os das classes mais desfavorecidas.
O meu desgosto e a minha revolta não podem ser maiores.

Sem comentários: