terça-feira, 16 de novembro de 2010

Notas do meu rodapé: Não são os que enterraram o país, que agora o podem salvar...

O Eixo do Mal- Edição de 13-11-2010


Exibo este vídeo, apenas para evidenciar o discurso demencial de dois altos responsáveis políticos, que já não sabem o que dizer sobre o desastre que ameaça o país. Dizem banalidades. Um, sem qualquer tipo de escrúpulos, utilizou a crise para os seus objectivos eleitorais, o outro aceitou a missão de se travestir de primeiro-ministro, depois de ter elaborado um Orçamento de Estado, que não convenceu ninguém. É certo que falta aqui o verdadeiro primeiro ministro, a pessoa que melhor conheço a imitar os papagaios amestrados, mas ele apercebeu-se a tempo que já não é levado a sério, nem sequer pelos seus mais fiéis correlegionários, dos quais, alguns, já andam a tentar fazer-lhe a cama. Diz-se que ele vagueia, solitário, pelas amplas salas do palácio de S. Bento, à procura de uma solução para si. Ele tem medo dos fantasmas que o perseguem, e já há quem diga que ele está a tentar ser nomeado ministro do Ambiente do próximo governo, seja ele de coligação ou de salvação nacional. É que já consta por aí que o Freeport quer instalar-se também na margem norte, tendo escolhido o Parque de Monsanto para construir um novo espaço comercial.

3 comentários:

Maria José Meireles disse...

Alexandre, quem é o primeiro ministro!? :)

Alexandre de Castro disse...

Maria José: Eu também já não sei quem é o primeiro-minitro. Ele eclipsou-se. Aparece, em vez dele, um tal ministro da Finanças, que é professor de Economia, mas que elaborou um Orçamento de Estado em que ninguém acredita, a não ser ele próprio. Dizem também que o primeiro-ministro é Cavaco Silva,que vai repetindo a cassete (onde é que eu já ouvi isto?!). Por sua vez, os ministros já andam a produzir legislação avulsa.
Julgo que estamos em fim de ciclo, mas o meu receio é que o próximo venha a revelar-se ainda pior.

Maria José Meireles disse...

Pior para o primeiro-ministro!?