sábado, 25 de outubro de 2014

Pintura de Dália Faceira (Dacha): Nem sempre sós _ tinta da China


Uma estilização bem conseguida, tirando partido da potencialidade pictórica do contraste "preto e branco" e, ao mesmo tempo, em que se imprime às figuras uma dinâmica de movimento e de equilíbrios, característica esta que evidencia bem a maturidade artística já atingida por Dália Faceira.

Sem comentários: