domingo, 28 de junho de 2015

Os políticos também não se medem aos palmos…


Os políticos também não se medem aos palmos…

A grandeza e a importância de um político não se medem apenas nas urnas. Fala mais alto a sua honestidade, a sua frontalidade e o seu autêntico espírito de missão ao exclusivo serviço do seu povo, nunca se esquecendo de dar voz àqueles a quem roubaram a voz. 
Tsipras encostou à parede os arrogantes políticos e tecnocratas, que, embriagados pelos prazeres do poder, que os povos não podem escrutinar diretamente, já consideravam a soberania dos países propriedade sua, querendo geri-la como se tratasse de um produto que se vende nas lojas dos supermercados. Enganaram-se com o povo grego, que está a fazer uma revolução de veludo e a vergar a arrogância dos credores institucionais, que ficaram desmascarados perante a opinião pública internacional, devido à habilidade e perspicácia negocial do primeiro.ministro grego Tsipras e do seu ministro das Finanças
Alexandre de Castro

Ver VISÃO

3 comentários:

CÉU disse...

Será assim, Alexandre? Ambas as partes, vão ajeitar-se, acho eu, pke não são estúpidas, mas não se pode dar dois rebuçados, qdo, para além de não termos nenhum, ainda estamos devendo uns tantos a uns amigos.

Bom domingo.

Abraço.

Ana disse...

Verdade. Alguém fez frente a estes seres arrogantes, que pensam ser os donos do Mundo. Mas muita tinta vai correr,,,e no que vai dar não sei. Mas que apreciei esta atitude, sem dúvida. Alguém está a bater o pé aos que querem levar os povos à miséria. Aguardemos novos episódios...mas que não vai ser fácil, não vai.

Alexandre de Castro disse...

Ana:
Peço-lhe desculpa de só hoje, 3 de Julho, ter publicado o seu comentário, pois não me apercebi da respetiva notificação no gmail, que era de 28 de Junho.