terça-feira, 27 de outubro de 2015

Tchaikowsky - Swan Lake - Rudolf Nureyev - Margot Fonteyn

Amabilidade de Maria Gouveia

Como se os sonhos se traduzissem neste leve impulso de levantar as nuvens, tal como se levantam os delicados corpos das bailarinas, na geometria do espaço.
Fosse a geometria das ideias igual à geometria dos corpos, na fluidez da dança, e a essência do mundo compreender-se-ia melhor.
AC

3 comentários:

Rogerio G. V. Pereira disse...

sim, na fluidez da dança
na harmonia dos gestos
determinados pela rigor
de uma pauta de música
bela, única

Alexandre de Castro disse...

Rogério:
Vai gostar de ver isto:
http://alpendredalua.blogspot.pt/2015/05/maya-plisetskaya-bolero-choreography-by.html

E isto;
http://alpendredalua.blogspot.pt/2015/06/poema-de-maria-azenha-em-homenagem-maya.html

Sónia M. disse...

Belíssimo!