sexta-feira, 18 de junho de 2010

Anotação do Tempo: Dissertação sobre a felação


Dissertação sobre a felação

Olho-te secretamente
enquanto inclinas
o corpo no balcão
e adivinho o equilíbrio
e a solidez
das tuas mamas
imagino-me deitado
a vê-las soltas
enquanto te debruças sobre mim
e a tua boca é já um navio a balouçar,
com o mastro erguido,
no meio da rebentação.

Alexandre de Castro

Lisboa, Junho de 2010